sexta-feira, 21 de maio de 2010

DOCE PROFESSORA


A doce professorinha
Ensinava com didática
Os meandros da língua portuguesa
A seus pequenos famintos

Atrás do livro de lições,
O hino nacional...
Ensinava às crianças
Lições de patriotismo
E nos intervalos, conversas sobre programas de TV

À noite, dormia sozinha
Enquanto envelhecia
E sonhava ainda em ser a mãe
Daquela boneca Barbie...
E seu Ken?
Ora ninguém...

Pensava nas contas
Tinha medo de trovão
Questionava quase nada
Pois ainda era aluna da vida
Aquela doce professora
Porque a vida
É uma aula sem recreio.

2 comentários:

Mila disse...

Linda tua poesia...
Esse verso tocou-me: "Porque a vida
É uma aula sem recreio"
Isso tenho aprendido muito, pior ainda, ela nos dá lição de casa sem ter passado assunto...
Bjs
Mila

Mila disse...

Linda tua poesia...
Esse verso tocou-me: "Porque a vida
É uma aula sem recreio"
Isso tenho aprendido muito, pior ainda, ela nos dá lição de casa sem ter passado assunto...
Bjs
Mila