quinta-feira, 5 de fevereiro de 2009

MAIEZAS POR BEUTTENMULLER

O que é importante saber (e que os europeus escondem) é que as raças da Mesoamérica eram mais civilizadas que os povos europeus da época (século XVI). Desde costumes: os astecas tomavam dois banhos por dia; os espanhóis, nenhum. Os astecas tomavam banho de sauna, tinham escolas específicas para as crianças, viviam em harmonia com a natureza, usavam um calendário melhor do que o europeu seja este Juliano ou gregoriano. Sabiam de astronomia muito mais do que a Europa da época. A matemática da Mesoamérica era bem mais fácil do que a romana ou qualquer outra, pois havia apenas três sinais: o ponto, o traço e o zero. Os números de 1 a 4 eram pontos, 1=um ponto, 2 dois pontos etc, o cinco era uma traço horizontal; o seis era um traço com um ponto em cima, assim por diante, até o dez que eram dois traços horizontais paralelos. O zero era a imagem de uma concha, tal e qual o nosso zero. Portanto, a invasão espanhola foi a desgraça da Mesoamérica, por amputou uma civilização muito mais adiantada, em nome de Deus (?).

Um comentário:

fernandatomiello disse...

Pô Duda, tu anda inspirado!!
Teu blog tá cada vez melhor, tô sempre acompanhando..
São poucas as pessoas que, como tu, conseguem trazer pra 'blogosfera' temas novos (ou tratar temas tão 'batidos' de uma forma completamente diferente).
E sempre com muito bom humor =D
Td de ótimo pra ti ;)
Beijos
[172]